Vida Mariana › 14/12/2013

Vida Mariana (Parte 1)

images (1)O Congregado Mariano:

O que é um Congregado Mariano:

É um cristão católico que busca o crescimento de sua vida, no seguimento de Jesus Cristo e de uma ardentíssima devoção, reverência e amor filial a Nossa Senhora, assim, está sempre a procura de sua “santidade pessoal” e do “próximo“.

 

Por que se chama Congregado?

Porque ele “se congrega” a outros animados dos mesmos desejos, sob a direção de um sacerdote, quando houver, ou sob a orientação de um Congregado Mariano já experiente, formando a “Congregação Mariana“.

 

Isto não é querer ser mais do que os outros?

Não.  Apenas quer encontrar a sua identidade de cristão leigo engajado, aprendendo a conviver e conhecer a Jesus Cristo, e através desta experiência íntima, deixando-se amar e amando cada vez mais o Deus da Vida.  Quer ser melhor do que seria se vivesse uma vida comum do católico.  Mais ainda, o congregado deseja que todos sejam iguais a ele e até melhores.  Ser Congregado não é, pois “ser mais do que os outros“; é simplesmente servir mais a Deus e a Maria Santíssima.

 

Que quer dizer buscar a Santificação?

Santificação é a conservação e aumento da graça de Deus em nós, pelos Sacramentos e pela prática das virtudes cristãs.

Santidade não é vida milagrosa, penitências extraordinárias.  É sim, o aumento da graça em nós, do jeito que somos e no ambiente em que vivemos, pois os caminhos da santidade são variados e apropriados à vocação de cada um.

A santidade é para todo cristão e muito mais para o congregado.  Para ser santo, deve ele sempre aumentar a graça da amizade de Deus recebida no batismo, juntamente com os Dons do Espírito Santo e as virtudes teologais (Esperança e Caridade).  Deve procurar adquirir cada vez mais as virtudes morais: justiçaprudênciatemperança e fortaleza que são à base de todas as outras virtudes.

 

Que quer dizer “procurar a salvação e santificação do próximo“?

O congregado considera “irmão” todo homem, sem lhe importar a classe social, o credo, ou título, a posição social ou a função eclesiástica.  Sente-se responsável e solidário com seus irmãos, principalmente com os mais necessitados.

O congregado deve levar o próximo, primeiro: a praticar a religião e a viver na graça de Deus, porque sem isso não há salvação; segundo: a aperfeiçoar sua vida cristã pela prática, até heróica das virtudes: do perdão, da correção fraterna e do amor.

Fonte: Vida Mariana do Padre Paulo Paulo de Souza,SJ

por  Eduardo Lopes Caridade

Deixe uma resposta


Atendimento VEJA +

Sede: Praça Dr.Benedito Meireles, n°13 - Apt. 53 - Aparecida - SP Filial para correspondências: Rua Visconde de Inhaúma, n°134 - Salas: 316/317. Centro - Rio de Janeiro - RJ CEP: 20091-007 contato através do telefone 21 2263-3506 ou e-mail: contato@cncmb.org.br

Publicações VEJA +
Enquete
Congregados Marianos, estão gostando da nova revista Estrela do Mar?
Ver o resultado