450 anos das CC.MM. › 10/05/2013

Participação na Ação Pastoral da Igreja

CCMM10Em continuidade ao artigo anterior, publicado neste Site, voltamos a propor aos congregado(a)s mariano(a)s algumas pistas para debates à luz do Documento de Aparecida.

Sobremaneira somos chamados a participar na ação pastoral da Igreja, que segundo a Constituição Gaudium et Spes, não se limita a ação dos pastores, mas a ação de toda a comunidade, de toda a Igreja.

Pastoral é toda ação da Igreja e sua missão no mundo. A Igreja não existe para si mesma, mas em função da sua missão de anunciar Jesus Cristo e fazer acontecer o Reino de Deus.

O Diretório Geral para a Catequese (DGC), diz que a missão evangelizadora da Igreja se realiza em três etapas:

AÇÃO MISSIONÁRIA: faz o primeiro anúncio de Jesus Cristo (querigma) a pessoas que não o conhecem, ou que, tendo já conhecido, hoje vivem afastados do Evangelho; é a atividade que leva as pessoas a uma adesão e conversão a Jesus Cristo.

AÇÃO CATEQUÉTICA: educa e aprofunda a fé dos que já aderiram Jesus Cristo e querem ingressar na congregação mariana, através de uma iniciação completa; é o momento do aprofundamento e ampliação da experiência da fé, seus elementos e suas exigências.

AÇÃO PASTORAL: para as pessoas que, tendo sido iniciadas na fé pela catequese, já são cristãos adultos, mas necessitam continuar alimentando a própria fé, crescendo sempre mais e transformando a fé em obras, em serviço aos irmãos e à comunidade. Neste sentido, pastoral é tudo aquilo que a Igreja realiza e que é distinto de evangelização e catequese.

Esta ação pastoral envolve, entre outras coisas, o serviço aos necessitados, o diálogo com o mundo, a denúncia profética, a dimensão celebrativa, a participação na comunidade, o estudo da fé e a espiritualidade. Precisamos viver esta ação na Congregação Mariana.

Na Congregação Mariana, deve haver espaço de participação e confiança; deve ser um local onde todos vivam de maneira responsável sua consagração a Nossa Senhora, que é nosso compromisso de cristão.

Para o congregado(a) cumprir sua missão com responsabilidade pessoal, há necessidade de sólida formação doutrinal, pastoral, espiritual e adequado acompanhamento para darem testemunho de Cristo e dos valores do Reino no âmbito da vida social, econômica, política e cultural. Entendo, que às congregações marianas poderiam trabalhar em suas reuniões o que propõe nossa Regra de Vida em seus números 24 e 25.

Que tal esta experiência na Vida Cotidiana?

Continua…

Salve Maria!

Eduardo L. Caridade
DA 211,212

Deixe uma resposta


Atendimento VEJA +

Sede: Praça Dr.Benedito Meireles, n°13 - Apt. 53 - Aparecida - SP Filial para correspondências: Rua Visconde de Inhaúma, n°134 - Salas: 316/317. Centro - Rio de Janeiro - RJ CEP: 20091-007 contato através do telefone 21 2263-3506 ou e-mail: contato@cncmb.org.br

Publicações VEJA +
Enquete
Congregados Marianos, estão gostando da nova revista Estrela do Mar?
Ver o resultado