Outras Vozes › 02/05/2015

Fiat Lux et renovabis faciem terrae

papaA celebração litúrgica Católica que mais gosto é, de longe, a Vigília Pascal. A ideia de iniciar o rito do lado de fora da Igreja, numa noite escura do mundo, apenas com a lua cheia e estrelas a iluminarem o ambiente sobre nossas cabeças, agrada-me. Bonito é pedirmos a luz quando há escuridão, porque, já disse alguém, é nas trevas que é belo crer na existência da luz. E, uma vez vindo a primeira e insignificante luz de uma só vela, o Círio Pascal, todos se aproximam e acendem a sua própria luz, multiplicando-a e fazendo aumentar a intensidade luminosa que vence, afinal, a escuridão. É bonito ver as faces das pessoas iluminadas por uma vela, a sua luz própria, interna e externa, de dentro para fora e de fora para dentro! Tão bonito quanto ler poesia à luz de velas como uma vez tive a experiência mística de ter num Sarau há mais de 5 anos com pessoas amadas! Não é assim, também, nos nossos dias atuais, de tanta intolerância, de tantas trevas onde a luz parece não existir, fugir? Não precisamos - e nem podemos - desanimar, pois basta a luz da esperança de um só para incendiar o mundo no Amor! Feliz Páscoa a todos! Shalom! Salaam Aleiko!
por Simone Cristine Araújo Lopes
Federação de Belo Horizonte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Atendimento VEJA +

Sede: Praça Dr.Benedito Meireles, n°13 - Apt. 53 - Aparecida - SP Filial para correspondências: Rua Visconde de Inhaúma, n°134 - Salas: 316/317. Centro - Rio de Janeiro - RJ CEP: 20091-007 contato através do telefone 21 2263-3506 ou e-mail: contato@cncmb.org.br

Publicações VEJA +
Enquete
Congregados Marianos, estão gostando da nova revista Estrela do Mar?
Ver o resultado